Da Magna Carta a partituras dos Beatles: mostra resgata 2.000 anos de história

Sob o slogan “Discover the stories that shape the world” (ou “Descubra as histórias que moldam o mundo”), a British Library, em Londres, mantém a exposição “Treasures of the British Library” (ou “Tesouros da Biblioteca Britânica”). Localizada na Galeria Sir John Ritblat, a mostra conta com itens que resgatam cerca de 2.000 anos de história da humanidade, entre documentos, livros, manuscritos, mapas, diários e cartas.

Galeria Sir John Ritblat (Crédito: Tony Antoniou)

Os “tesouros” cobrem diversas áreas de conhecimento, e vão desde textos políticos e religiosos até obras marcantes da arte, da literatura e da ciência. Em uma só sala, é possível ver de perto exemplares originais da Magna Carta; o caderno de Da Vinci; manuscritos de Handel, Beethoven e Chopin; letras de músicas dos Beatles; uma carta de Churchill; obras de Austen e Dickens; entre outros.

Todos os itens são extremamente bem conservados e cuidadosamente exibidos. Para evitar que a luz e a umidade os danifiquem, a galeria é mais fria e escura do que as outras áreas da biblioteca, por isso é válido levar uma blusa. Fotografias não são permitidas.

A mostra é permanente e a entrada é gratuita, portanto é um programa cultural imperdível para aqueles que visitam Londres.

Além de exposições físicas, a British Library possui mais de 150 milhões de itens que representam todas as eras da civilização escrita. Este acervo, bastante raro, está disponível em formato digital e pode ser consultado via internet.

Como chegar: The British Library. The Sir John Ritblat: Treasures Gallery. 96 Euston Road, London, NW1 2DB. Aberta de segunda à domingo. Os horários variam ao longo do ano, por isso é válido consultar o site oficial.

Site: https://www.bl.uk/events/treasures-of-the-british-library

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *